Wanderley Meira assume o cargo de diretor artístico do Balé Teatro Castro Alves

Companhia oficial de dança da Bahia, corpo estável mantido pelo Teatro Castro Alves (TCA), Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb) e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA), o Balé Teatro Castro Alves (BTCA) está sob nova direção artística. Foi nomeado hoje o produtor, diretor, ator e gestor Wanderley Meira para assumir a tarefa.

Wanderley vinha, desde 2017, respondendo pela coordenação de Teatro no âmbito da Funceb, desenvolvendo as políticas públicas estaduais deste setor. Esta expertise na gestão pública o habilita a um pensamento macro a respeito das práticas e desafios de manter em excelência a atuação do BTCA, uma entidade também pública. Seu posicionamento é de conduzir este processo de modo coletivo com dançarinos e servidores, construindo uma proposição artística, de manutenção e de planejamento estratégico a partir de anseios conjuntos. “O trabalho será para ampliar e fortalecer a relação da companhia com a cidade e com o estado, pensando em uma companhia que tem a força da representação da Bahia, que dialoga com a dança e com as demais artes do nosso estado para chegar ao mundo”, diz Meira. Ele ocupa a vaga deixada por Antrifo Sanches, que esteve no cargo desde 2015.

Na formação artística, Meira é licenciado em Letras Vernáculas pela Universidade Católica do Salvador (UCSal), mas construiu sua carreira profissional nas artes cênicas. Iniciou-se como ator em Curso de Manoel Lopes Pontes em 1994 e trabalhou em diversas montagens, com nomes marcantes da cena local, como Harildo Déda, Fernando Guerreiro, João Sanches, Nadja Turenkko, Gil Vicente Tavares e Rino Carvalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *