FESTIVAL DAS BALEIAS SERÁ NA CIDADE DE NOVA NO EXTREMO SUL DA BAHIA

Proposta de diretrizes para uso sustentável do mar no estado da Bahia.

O Festival das Baleias tem característica itinerante, ocorrendo sempre no período em que as baleias jubarte migram para o litoral baiano para reprodução. Já foi realizado em Alcobaça, Arraial D’Ajuda e, nas três últimas edições, no município de Prado, que possui 84 quilômetros de praia e ótima infraestrutura para acolher turistas e pesquisadores. Uma parceria que deu certo e atingiu o principal objetivo que é debater e propor estratégias para a recuperação e conservação da vida marinha, além de estimular o turismo na Costa das Baleias.

A VI edição do festival será na cidade de Nova Viçosa no período de 17 a 21 de julho, com objetivo de reforçar o comprometimento com a conservação da vida marinha, propondo a união de instituições públicas e privadas, de pesquisadores, educadores, estudantes e da sociedade civil em torno do debate sobre a situação dos ecossistemas na zona costeira e marinha e da conscientização sobre a importância da realização de ações pela preservação ambiental. Mesas redondas e palestras de pesquisadores e ativistas ambientais, presentes no V Simpósio do Mar para discutir e elaborar proposta de diretrizes para uso sustentável do mar no estado da Bahia.

Além das atividades acadêmicas e de educação ambiental, quem visitar Nova Viçosa neste período, desfrutará da cultura, da culinária local, descontração e animação dos shows, feiras de artesanato, ação de limpeza de praia Omar não está para plástico, Plantio de muda nativa, exibição de filmes pedagógicos e apresentações culturais na praça da baleia e a Gincana Ecológica. A VI edição do festival também lançará a primeira FLIJUBA – Festa Literária da Turma da Juba com a presença de escritores da região, contação de história, estande do PARNA (Parque Nacional Marinho de Abrolhos) com óculos de realidade virtual fazendo passeio virtual ao Banco dos Abrolhos e jogos educativos, Oficinas de pintura com técnica do aquarela sobre papel e bate-papo com o atleta Matheus Laurentino sobre “O esporte como ferramenta de inclusão social”, e trará o artista plástico Diogo Galvão que pintará o  maior mural em grafitti do extremo sul com o tema Abra os Olhos para ABROLHOS.

Os participantes do festival serão recepcionados com a performance de mulheres com a dança “bate-barriga” ou “bate-coxas” ao som de viola, tambores e vocal coletivo, com músicas de forte ritmo afro, canto e ancestralidade da comunidade negra de Helvécia, além da apresentação da Escola de Capoeira e Ponto de Cultura ArtBahia da Comunidade Quilombola do Distrito de Helvécia com o projeto Arte em Ação.

O V Simpósio do Mar, acontecerá nos dias 18 e 19 de julho no Centro de Treinamento, e nesta edição terá como foco principal a construção da proposta de diretrizes para uso sustentável do mar no estado da Bahia que irá orientar as autoridades competentes, a iniciativa privada e sociedade civil organizada dos municípios costeiros baianos a implantação  de políticas públicas setoriais, ambientais e urbanas na zona costeira, bem como aquelas cabíveis no espaço oceânico no Estado, estabelecendo novos paradigmas de protagonismo na conservação e preservação de recursos naturais renováveis e não renováveis na costa e na porção oceânica brasileira.

A iniciativa é do Instituto Redemar – Rede Viva, Mar Vivo, e como base a formação da Frente Parlamentar para Defesa das Regiões Costeiras e Oceânicas, que tramita em Brasília na Câmara de Deputados Federal, tendo como responsável o Deputado Federal Joseildo Ramos (PT – BA), e no âmbito Estadual, Deputado Estadual Osni Cardoso (PT-BA), os quais possuem nas suas plataformas política, a proteção e conservação marinha e oceânica.

A formação de uma mentalidade e cultura marítima para orientar programas de educação formal e não formal ao longo da costa Baiana, o fomento para as comunidades tradicionais que conservam os fortes traços da cultura marinha por meio dos costumes, tradição e culinária, o apoio as ações do Programa Estadual de Gerenciamento Costeiro da Bahia, a programação das ações do Projeto Orla nos municípios Baianos, a avaliação das causas e efeitos da Erosão Marinha na costa baiana,  a programação de ações de ecoturismo (Observação de baleia, mergulho recreativo, rotas de recifes de corais, manguezais, pesca recreativa, ecologia de rios, lagoas, restingas e outros), o apoio de ações de conservação na administração e manejo das Unidades de Conservação (UC), essas e outras diretrizes farão parte da proposta que será apresentada as autoridades competentes.

Serviço:

O que: Festival das Baleias 2019

Onde: Nova Viçosa – BA;

Dias: 18 e 19 de julho;

Local: Centro de Treinamento;

Entrada Gratuita Inscrições de participação: http://twixar.me/j1Qn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *